13 de novembro de 2010

Cá estou, DE NOVO!

E mais uma vez cá estou. Sabe o que é isso?!
Não é possível não haver nenhum tipo de magia nisso tudo... Como é que no final, SEMPRE, paro em você? Se bem que nunca deixo de estar em você... vivo me enganando, esta é a verdade.
Você sabe, não sabe? Acho que sim... Dá para ver nos meus olhos o quão sua eu sou, o quão viajo sempre que te vejo e o quão forte é isso que está aqui.
Vejamos só... No começo, eu nem pensei em nada mais serio. Eu disse "vou ficar", nunca tinha ficado assim com ninguém, porque sempre fui do tipo de menina que só fica com quem gosta e blá blá blá. Mas você chegou para mudar todos os meus conceitos e embassar os meus sentidos. Foi só sentir seu gosto e lá estava eu, com o coração acelerado e as pernas bambas.
Quem te autorizou a me roubar assim e me deixar prisioneira? Não é errado?! Se você que roubou, porque eu estou aqui presa em você desse jeito?
Queria saber viver sem meu coração... porque tirá-lo das suas mãos me parece impossível.
E sabe o que é pior? A parte em que todos a minha volta me dizem o quanto eu gosto de sofrer. Vê se pode, alguém nesse mundo, em sã consciência, gosta de sofrer?! CLARO QUE NÃO! A questão é que o que sinto é tão lindo que até eu tenho medo de deixar de senti-lo um dia. Tolice? Sei não. E olha, eu não te culpo pelo sofrimento. Não mesmo. Não te culpo por não sentir o mesmo. Te admiro e te amo do mesmo jeito. Mas, confesso que em algumas vezes eu tive muita (mas MUITA mesmo) vontade de te xingar. Serio... Porque quando parecia que eu estava conseguindo disfarçar bem a dor que sua falta me causa sempre, você aparece e me rende de novo, e qualquer um que esteja do meu lado sofre ao ver que não importa o que façam, serei sua, e sempre que você aparecer nada mudará isso. Já que estou confessando, vou confessar mais uma coisa. Eu sempre rezava para que você aparecesse de novo e me fizesse ver mais ainda que é LOUCURA te procurar em outros corpos, eu NUNCA vou te achar em outro alguém, de você só existe um único ser, e disso eu sei muito bem.

Eu te amo tanto...  Só saiba disso.


Eu procurei em outros corpos encontrar você
Eu procurei um bom motivo pra não, pra não falar
Procurei me manter afastado mas você me conhece faço tudo errado, tudo errado
Fim de semana,eu sei lá vou viajar, vou me embalar, vou dar uma festa,
Vou tocar um putero eu vou te esquecer, nem que for, 

Só por uma noite, só por uma noite
Só por uma noite, só por uma noite


Mas só de ouvir a sua voz eu já me sinto bem
Mas se é difícil pra você tudo bem
Muita gente se diverte com o que tem .
Só de ouvir a sua voz eu já me sinto bem
Mas se é difícil pra você tudo bem
Quando gente se diverte com o que tem .

Se diverte com o que tem
Só por uma noite

Eu procurei abrir meus olhos e enxergar você
Eu procurei um bom motivo pra não, pra não estar lá
Procurei me manter afastado mas você me conhece faço tudo errado, tudo errado
Fim de semana,eu sei lá vou viajar, vou me embalar, vou dar uma festa,
Vou tocar um putero eu vou te esquecer, nem que for,


 


ps:não é um conto, dessa vez, é o que eu queria te dizer...

9 comentários:

Maria Rita disse...

Não importa o tempo sempre estamos às voltas com esse tal de 'amor'.

Beijos pra Ti

Emi disse...

''Foi só sentir seu gosto e lá estava eu, com o coração acelerado e as pernas bambas.''
Mais do que lindo, minha conterrânea!
Seus textos são sempre encantadores!
Beijos, minha flor!
Adoro vc!

Minne disse...

"Como é que no final, SEMPRE, paro em você? Se bem que nunca deixo de estar em você... vivo me enganando, esta é a verdade."

Adorei o texto, e essa frase principalmente. Muito obrigada pela visita lá no meu blog. Volte sempre ;*

www.mineentrelinhas.blogspot.com

Larissa disse...

Voltei ao blog, flor! E, obviamente, voltei a ler o seu. Percebo que estás apaixonada, não é? Mas acontece, querida, acontece. Não te aflijas, e entendas que sim, sentimentos bons e sinceros são sempre lindos de carregar - não significa que os carreguemos voluntariamente, por gostarmos de sofrer. Mas se doer, alivie, alivie, alivie. Não se machuque muito. Mas enquanto valer a pena, viva ao máximo essas sensações todas.

Um beijo!

Daninha disse...

Lindo, mais é bem complicado o que está passando >.<

Rodolpho Padovani disse...

Aêê, que declaração, hein. Bem direta e certeira nas palavras, gostei disso.
Algumas pessoas são capazes de desarmar nossas barreiras.

Bjs =)

Erica Ferro disse...

Vixe! Que texto sofrido... =S

Sei bem o que é se sentir assim, tenho MUITA experiência nesse sentido. "Amar e sofrer é o que eu tenho feito..." durante toda a vida. HAHA

O bom é que a dor fica mais amena com o tempo.
Beijo.

Jota disse...

Apaixonamente melancólico, rs!
De início pensei que você estava falando comigo, sério!
aoeiaoieaieaiei

Beijos jessiquinha, até

ƸӁƷBeautiful Butterfly WomanƸӁƷ disse...

Ah!!!que lindo amigaaa...!!só de ouvir a voz dele td.bem...ameiii!!!muito meigo...bjus!!