27 de dezembro de 2012

Liberte-se


Uma taça de vinho, brigadeiro de panela e uma noite fria.
Eu sempre escrevi coisas que para mim só eram poéticas, mas daí, passei a vivenciar tais coisas e perceber uma liberdade sem tamanho ao quebrar as minhas próprias regras. Ser dona de mim mesma, sem escrúpulos, sem medos, sem nenhum porquê. É como se eu pudesse voar e mesmo com a altura, eu não tivesse medo. É como pular de uma ponte alta só para sentir o impacto na água, as bolhinhas subindo pelo  corpo avisando que ainda estou viva. Rótulos, títulos ou capas, não dizem de verdade qual é o seu conteúdo, e pouco me importa se alguns vão apontar o dedo para mim e dizer qualquer baboseira. Eu sei o que eu sou e tudo que passei e vivi até chegar aqui. É muito injusto tirar o pó de areia que caiu no meu olho, que só você viu, enquanto tem uma trave gigante no seu. Viva, liberte-se, corra, faça o que seu espírito quer... As consequências das suas escolhas deverão ser somente e totalmente suas. Se for assim, ligue o "não tô nem aí" e corra para a sua felicidade. Só você sabe por onde ela anda. E eu, estou no caminho da minha.

23 de dezembro de 2012

Depois do fim, o recomeço.


O mundo não acabou (como eu já imaginava) e o verão chegou com a sua força total! Parece que um clima de carnaval pairou em mim. Me sinto leve, feliz, mesmo sabendo de todas as dificuldades da vida. Sei que o tempo da coisa prometida está chegando, está na hora das realizações! O natal veio também, cheio das suas luzes piscantes e de todos os sonhos das crianças do mundo todo. Acho que por causa disso, da união de pensamentos desses anjinhos, o fim de ano se torna um tanto quanto mágico. Eu não acredito em papai noel já faz algum tempo, mas ainda assim acredito em presentes especiais vindos do céu. Você não? Só que hoje, vejo as coisas de um jeito um tanto diferente. Sei que meu presente não vai vir só, precisa do meu suor também, do meu esforço. E estou tranquila! Estive conversando com meus serzins mágicos esses dias e eles me disseram para eu ainda não desistir, está chegando. E você? Só eu que sinto essa melancolia toda nessa época de fim de ano? Seria bacana se esse espírito natalino, essa alegria e sensação de coisa boa, viesse o ano todo. O mundo está precisando disso, nós também.

19 de dezembro de 2012

É que eu preciso dizer que eu te amo tanto...

E foi exatamente assim, não foi? No máximo duas semanas que a gente tinha se (re)encontrado nesse mundo e eu estava tão nervosa! Os dias passavam e essas três palavrinhas se desesperavam em sair da minha boca e tocar na sua. Eu achava que estava louca, e eu devia mesmo. Você chegou tão de repente e me causou tanta coisa assim, sem porquê, e eu tinha tanto medo de te assustar, de você me achar uma maluca, de sumir e me deixar... Mas o pior de tudo foi quando eu me apaixonei sem ao menos te ver. Só com a sua voz e toda aquela sua ousadia que me dava calafrios. Coisa que eu nunca tinha sentido. E depois do nosso beijo, do meu fugir para me entregar a você, de tentarem nos separar, de correr para você de novo esquecendo do mundo, eu não conseguia para de pensar: eu te amava desde o início! Aí em uma noite, quando estávamos no nosso costumeiro papo da noite, eu tive que ler aquela música de Cazuza que dizia assim: "É que eu preciso dizer que eu te amo, tanto". E hoje, 1 ano, 8 meses e 3 dias, depois do nosso trocar de almas, eu só tenho ainda mais certeza desse sentimento lindo que chegou confundindo a gente, mas nos fez feliz. Quero esse misto gostoso de prazer com você, pra sempre. 

11 de dezembro de 2012

Tudo tem dor


Eu tô com dor de dente. Muita. Estou com cólica também.Complicado. Difícil. E você o que tem? As vezes é uma dor diferente que nos incomoda. As vezes é na alma. Já sentiu? Quando alguém interrompe alguma coisa sua que está indo muito bem. Sem porquê, sem pra quê. As vezes é dor de mundo. Quando você não consegue entender porque aquele cara ali do lado pode ter tanta raiva de você se você só fez o bem para ele. As vezes tenho medo que pensamentos ruins superem as minhas vitórias. Está difícil. Mas não vou desistir. Está bem?

8 de dezembro de 2012

Sofrimento fica com a porcentagem mínima do processo

O sábado hoje começou com cara de domingo, quando você não quer sair da cama mas tem aquele almoço divertido em família. O mais incrível é quando eu lembro que há dois anos atrás eu nem sabia quem eram aquelas pessoas e hoje, graças a você, ganhei uma outra família que me acolheu, apesar de qualquer dificuldade inicial. É engraçada essa agitação toda. São tantas pessoas, tantos pensamentos e palavras ao mesmo tempo, que mesmo me confundindo às vezes, me diverte muito. Me acolhe. Isso parece estranho? Está na cara de todos que nós somos a família inicial. Não é engraçado? Enfrentamos o mundo, fugimos nos finais de semana, perdemos noite, choramos, nos desesperamos... Mas hoje, estamos vivendo a nossa vida. Pode até não ser como nos contos de fadas com aqueles bailes e banquetes, mas é nossa, cheia de simplicidades grandiosas. Que pessoas normais conseguem reverter o calor soteropolitano com um banho de mangueira demorado em meio a correr léguas atrás da nossa cachorrinha que odeia tomar banho? Quem é que prefere lavar o cabelo debaixo da mangueira ao invés do chuveiro, ou quem é que faz campeonato para ver quem consegue colocar mais água na boca, sem engolir ou jogar fora? Eu estou feliz por nós, e posso te dizer com toda a certeza do mundo que a nossa hora está se aproximando ligeiramente. Coisas maravilhosas estão vindo, não podemos desacreditar. Tem gente que olha por nós... E acho incrível que as pessoas não conseguem entender como a gente consegue sorrir mesmo se tudo estiver desmoronando. A gente se chateia, se entristece, mas a gente sabe reconhecer as nossas preciosidades, nossas riquezas, nossas magias. E como eu queria que algumas pessoas também pudessem ser assim. As pessoas seriam mais positivistas, mais alegres e conseguiriam alcançar seus objetivos mais rapidamente. A vida é para isso, para se aproveitar, conquistar e realizar. Sofrimento fica com a porcentagem mínima do processo.

1 de dezembro de 2012

Tantos mundos em um só



Ela: Pronto, eu já fiz o meu café. É sim, daquele solúvel, tradicional, com muito açúcar e uma colher de chá de leite em pó. Já pode me contar, o que há? 

Ele: Acho graça do poder da vida de fazer com que milhares de seres convivam em um mesmo espaço com vidas, traumas, ambições e desejos diferentes. Já parou para pensar quantos mundos existem dentro de um ônibus lotado? Cada um com o seu pensamento, com seu objetivo... É tão estranha essa grandiosidade da vida. Já sentiu? Um dia eu disse que ia escrever sobre isso. Mas um livro, estudando sobre o assunto. Coisa de gente importante, saca? 

Ela: E que mal há nisso tudo? Não é só mais um sinal da perfeita imperfeição humana?

Ele: É que daí eu começo a imaginar que é muita imaturidade da minha parte achar que eu sou o protagonista disso aqui. Que eu tenho super poderes e que vou salvar o mundo... Vai dizer que nunca pensou assim.

Ela: Pensei. Mas continuo pensando. Não importa quantos outros mundos existam, eu sempre serei a atriz principal do meu. Ou você acha mesmo que me deslumbrando com todos esses outros "mundos" eu vou fazer o meu girar?


30 de novembro de 2012

Pitbullzinho de pelúcia

Pode até ser cansativo me ouvir-ler falar de amor, mas eu posso te afirmar com toda a certeza do mundo que a culpa não é minha, é dele. Daquele 'pitbull' que apareceu na minha vida, fez tudo se revirar do avesso e me fez fazer as maiores loucuras da minha vida. Sabe quando alguém te fala as mais sinceras verdades do mundo, sorrindo, te dando a mão pra te ajudar a pular daquela ribanceira, só porque sabe que lá embaixo você vai cair em um rio lindo e vai encontrar tudo o que você precisa? Muita gente gritou, falou mal, criticou, mas se não fosse o "empurrãozinho" doido dele eu não estaria realizando um dos meus maiores sonhos. Vocês com certeza devem saber... Eu nasci para ser cantora! E durante muitos anos quis me esquecer desse meu objetivo de estar aqui e fiquei perambulando por qualquer coisa que me preenchesse. Não adiantou. E quando eu não acreditava mais em nada, quando eu achava que minha vida ia passar e eu só ia sentir quando acabasse, você me apareceu e me tirou do chão. Você me fez viva, me fez mulher. Me fez a Jéssica Trabuco que eu sonhava há alguns anos atrás. E é tão engraçado perceber que eu vivo o meu sonho! Que quando eu acordo é você a primeira coisa que eu vejo! Claro que depois de Luna, que fica nos esperando acordar pra nos encher de lambidas e brincar.  E é tão gostoso quando eu te vejo com aquele sorriso no rosto, fazendo palhaçada só para eu rir, enquanto você cozinha a melhor comida do mundo todo pra gente. Eu confesso, está bem? Eu gosto de lasanha hoje só por sua causa. E no início desse nosso casamento-sem papel, eu me animei tanto que ganhei uns quilos e gordurinhas a mais. Mesmo que eu faça muxoxo, eu fico feliz em saber que apesar de você ter me achado uma magricela lá no início, você adora o meu corpo hoje. Que você perde o equilíbrio no nosso amor e que não importa a hora, o dia, ou se acabou de fazer, você quer sempre mais. E se embriaga com o nosso desejo, junto a mim, me deixando louca, sem controle do meu próprio ser, o tornando seu por completo, fazendo o que quiser e eu sem poder retrucar. Eu nunca trocaria uma barra de diamante negro pelas nossas brigas de brincadeira na cama. Mesmo eu perdendo sempre, mesmo deixando alguma marca no meu corpo. Eu adoro quando eu te ataco e você rir descontroladamente até me imobilizar e eu me render gritando "ta doendo, ta doendo, não quero mais brincar", cheia de bico. Amo a nossa vidinha, mesmo que as vezes apareçam mais contas do que o nosso dinheiro, mesmo quando aparece quem tente nos atrapalhar, mesmo quando a gente sofre por ser inocente demais, mesmo quando você curte a foto de uma menina que nem conhece para ajudar em um concurso e eu tenho um ataque de ciúmes bobo, mesmo quando você briga comigo por causa de um idiota do meu lado, mesmo quando você me pirraça até eu pensar ficar com raiva, mesmo quando a gente só consegue levantar às 12h, ou até mesmo quando você consegue qualquer coisa que pede fazendo dengo... Não consigo me lembrar de nada que aconteceu antes de eu te conhecer. Aliás, eu não te conheço desde sempre não? Você é parte de mim, entendeu? P-A-R-T-E  D-E  M-I-M, meu pitbullzinho de pelúcia. 

6 de novembro de 2012

Espaço cedido a um amigo meu


Aplicativos de busca mudam a forma de comprar


Hoje, já existem várias ferramentas de busca, muito além do google, úteis para facilitar a vida dos consumidores ocupados e que precisam economizar dinheiro. Não é atoa que o aplicativo para dispositivos móveis da skyscanner que encontra passagens aéreas mais baratas para os seus usuários já atingiram a marca dos 10 milhões de downloads.
“Um dos nossos principais objetivos é ajudar as pessoas a organizarem suas viagens quando e da maneira que quiserem. Chegamos aos dez milhões de downloads de nosso aplicativo muito antes do que esperávamos e estamos muito felizes com o feedback que estamos recebendo”, comenta Gareth Williams, CEO e co-fundador do Skyscanner.
De acordo com Gareth Williams o objetivo da skyscanner é criar aplicativos que facilitem ainda mais a vida dos consumidores no momento de pesquisar preços de passagens aéreas. Um desses apps, inclusive, vem com um gadget que avisa ao usuário quando uma empresa aérea está fazendo uma promoção em suas passagens.  
Todos os aplicativos para dispositivos móveis da skyscanner são gratuitos.
Com uma rápida pesquisa em outro site de busca, o google, encontramos várias páginas na internet que tem como missão procurar valores melhores para compras, esses sites se proliferam na rede mundial de computadores, mostrando um novo padrão de consumidores, aqueles que não querem esforço. A skyscanner, por exemplo, em seus aplicativos de busca para passagens aéreas permite que seus usuários possam fazer as pesquisas de onde estiverem, desde que tenham em mãos um dispositivo móvel, existe o projeto até de permitir que essas buscas possam ser feitas por comandos de voz.
O site “Boa Dica” é outro exemplo de como os sistemas de busca estão mudando a forma das pessoas comprarem. Essa página na Internet procura produtos mais baratos para os usuários que estão na necessidade de produtos eletrônicos com valores disponíveis no bolso do consumidor.  O site “Jacotei” também realiza essas comparações de preço para os consumidores interessados em encontrar bons valores em artigos esportivos, livros e eletrônicos sem precisar vagar por lojas ou passar horas na Internet revistando sites de compras.
Hoje em dia poupar tempo e dinheiro é tudo, não é mesmo? Quem quer passar horas pesquisando preços quando pode ficar com a família e amigos em momentos de descontração e calmaria.
A rotina de alguém que pesquisa preços tradicionalmente é difícil.
Horas na frente do computador em busca de opções, ou então idas diretas a lojas que exigem do consumidor o enfrentamento direto com os problemas das grandes cidades brasileiras como enfrentar horas em um congestionamento para comprar algo em um valor mais em conta é no mínimo desconfortável. O consumidor moderno não precisa, nem possui interesse de enfrentar nada disso para encontrar bons preços
Os aplicativos de viagens do skyscanner, assim como outros dispositivos de busca, já são uma arma importante contra os problemas e o stress causado pelas cidades do futuro onde a circulação de pessoas fica cada vez mais complicada. Neste período, poder fazer tudo de dentro da sua casa é uma ótima pedida para as pessoas ocupadas e apressadas do século XXI.

Texto de Cícero Sena – redator convidado do Skyscanner

3 de novembro de 2012

"Toda patricinha adora um vagabundo..."


Pra mim amor é aquela coisa que te faz jogar qualquer coisa pra cima só para estar ao lado de quem se ama. É aquela coisa que tem tudo para dar errado, mas dá certo. Onde vocês dois são completamente diferentes! Uma pessoa sonha demais e a outra tem os pés no chão, uma é doce e a outra, um pouco rude. É quando aquele alguém te chateia tanto a ponto de você amar aquilo. É quando idade, dinheiro, jeito de vestir ou falar, gostos musicais, ou qualquer outra diferença, não interfere no querer estar sempre perto. É quando todo mundo bota defeito, diz que não adianta nem reza, esse relacionamento vai acabar em tragédia... Aí vocês contradizem tudo. É quando o coração corre feito um louco e fica parando ao mesmo tempo quando rola um abraço, e o mundo e até o vento param por causa de um beijo. É um suar de mãos, barriga fria, sorriso no rosto que vai até a testa, é o medo de alguma coisa atrapalhar isso que é tão bom! É quando vocês se desentendem e ficam de mal por 20 minutos e depois saem correndo pra pedir desculpa e dizer que ama. É quando se consegue ter crises de risos intermináveis e só precisa daquela pessoa do seu lado para isso. É se sentir feliz 24 horas por dia, independente da distância que estejam, o pensamento os faz ficar colados. É virar a noite conversando no celular mesmo que tenha que acordar cedo no outro dia. É cheirar o cabelo e dar beijo na bochecha-testa-queixo-olho-nariz... É saber que está sempre protegida e não haverá mal nesse mundo que passará sozinha. Amar é ser livre, ser 100%. Vale qualquer risco para se encontrar um amor assim. Eu faria tudo de novo.

31 de outubro de 2012

Motivo do meu sorrir....


Eu só vim porque queria dizer que te amo. E nem é mais (SÓ) daquele jeito de quem se apaixona perdidamente por alguém, sabe? Fora essa loucura toda da paixão, que ainda sinto a cada dia que passa, rola um amor mais maduro, centrado, forte e embasado. O amor que é paciente, que se desmancha com um sorriso seu, que pode estar achando que você me trocou por um computador, mas basta você ir me ver lavando roupa com biscoito de chocolate na mão, dando aquele sorriso sapeca e fazendo a nossa "dança do dinossauro", que eu esqueço até do meu nome e só lembro que você é a melhor coisa da minha vida. E que mesmo quando você não consegue se conter com as palavras por causa da roupa que vesti para caminhar essa manhã, por puro ciúme, anda me descontrolo e tenho crises de risos com suas sapecagens... Ah! Eu te amo, e não consigo nem imaginar uma vida sem você comigo assim, nesse grude, como se não houvesse mais nada no mundo que importasse tanto quanto o nosso amor. Obrigada por me fazer especial e por me fazer dar as gargalhadas mais gostosas e sinceras da minha vida, meu palhacinho.

30 de outubro de 2012

Pobres mortais

Me surpreendo com a capacidade que os humanos socialmente ativos tem de brilhar os olhos com coisas que não transformam ninguém em imortal. O tal do status pode levar muitos à loucura. É serio. Dá pra confiar nesse monte de gente que aparece dizendo que te ama só porque você fez aquele comercial de um creme dental? Pior são os que iniciam uma carreira de trabalho, como qualquer outra, e se acham especias e nem no chão querem pisar. Me enojo disso. Verdade. Acho que todo mundo tem o direito de ser reconhecido pelo trabalho, de ficar feliz e saltitante por isso... Mas cuidado para não perder a cabeça. Somos pobres humanos mortais.

29 de outubro de 2012

É, talvez seja o fim do mundo.


Me arrisco a dizer que as coisas vão melhorar. Muitos estão dizendo que o fim está chegando e que homem de carne e osso pôde desvendar um dos maiores mistérios da vida... Eu não. Eu creio no fim de cada dia e este sim deve ser levado a serio. Que tipo de pessoa você é a cada novo amanhecer? Eu tento ser melhor. E de todo o modo, sabe? Até em relação a comer aquelas baboseiras que tanto me fizeram sorrir em noites frias. Estou anulando o uso excessivo da coca-cola e comendo mais salada. Amanhã, se tudo der certo, vou amanhecer junto com o acordar do sol e caminhar por aí. É, talvez seja o fim do mundo. Mas o mundo de insatisfação. Vem ai uma nova era, pelo menos pra mim. Chegou a minha vez de correr e viver o que sonho desde os oito anos. Não me deixo abater. Deveria? Tô cansada de gente sem cara que vive tentando destruir a vida daqueles que, por algum motivo, sente inveja. Cresce, que a vida passa, mas o que o espírito aprende ou não, fica para sempre. 

18 de outubro de 2012

Cantei


Nem se eu falasse a língua dos anjos poderia descrever
Paixão, ansiedade, curiosidade, amor, música
Tudo misturado com olhares curiosos que pareciam ver dentro de mim
Não estremeci, pedi a benção dos meus serzins e mergulhei
De longe o mar parecia misterioso, dava medo
Mas foi de longe, o melhor mergulho de todos
Musicar e encantar andam juntos quando a intenção é sobreviver
O amor sendo o condutor, o sonho dá certo
E mais que deu
Foi como flutuar no meio de um monte de anjos
Pude tocar o céu e me sentir mais viva
Cantei!

22 de setembro de 2012

Não é bobagem, ta?


Será que você não enjoa de tanto eu te amar? É tão estranho! Quando eu olho para você é como se Deus colocasse a mão no meu ombro e eu sentisse o poder da criação diante de mim. Eu não queria ser só aquela menina boba que fala de amor, sabe? Juro que não! Mas o que eu faço?! Não sei o que é isso, que depois de um ano e alguns meses continua crescendo de uma forma assustadora. É loucura. Não, é? O meu amor é o seu cheiro, que me enlaça toda vez que fico pertinho de você enquanto dorme tranquila, e sua respiração toca em mim. É o seu sorriso bobo e cafajeste toda vez que quer me ver enciumada. É o seu pincesa que me derrete. Eu sou tão feliz! Sei que ultimamente estamos tomando baques de todos os lados, e que choramos à noite sem encontrar saída. Mas, imagina como seria a minha vida se eu nunca tivesse te encontrado? Como eu seria ôca e vazia, seguindo uma vida por seguir, só para alguém poder me chamar de esforçada! Eu não estava viva antes. Você me ensinou a viver. Me ensinou o que é o amor. É serio! Não é só coisa de gente apaixonada não, de que acaba de dar o primeiro beijo. É coisa de quem ama e continua com a paixão acesa e um misto enorme de emoções que só me fazem achar que o mundo pode ser difícil, mas sem você não faria sentido algum. É uma alegria gigante quando te vejo fazendo algazarra na nossa cama com a nossa filha, que pode não ter nascido de nós, e parecer um ursinho de pelúcia, mas tem todas as nossas qualidades e defeitos. Eu sei que não somos perfeitas, mas sei também o quanto você se esforça para ser a melhor para quem gosta. E é tão lindo ver, diariamente, a sua evolução. Você é uma pessoa maravilhosa, e eu só tenho que agradecer a Deus por ter me concedido uma benção assim. Eu posso até ser Alice, e acreditar em tudo e em todos, mas você não me deixa mais quebrar a cara. É lindo. Não preciso chorar para você me acalmar, você cuidará de mim antes mesmo que o buraco apareça. E tem coisa mais segura no mundo que o seu abraço? Nada nunca será ruim enquanto você me disser que vai cuidar de mim, e que tudo vai passar. Vamos dar um jeito. Eu só queria que você soubesse, meu amor, que nem a rotina, ou tempo, dificuldades, e muito menos as pessoas que torcem contra... NADA disso conseguiu diminuir o que eu sinto por você. Que mesmo que as coisas pareçam normais para qualquer um, elas não são para mim. Cada dia que passa o que eu sinto aqui dentro aumenta e me deixa ainda mais apaixonada por aquela pessoa ousada que disse, e me roubou mesmo. Eu te amo, cada segundo mais. Desculpa roubar o seu ar.

6 de setembro de 2012

6.9 (2)



Vem pra cá, vai!
Eu só preciso de você
Sentir seu desejo suspirando na minha pele
E suas mãos se entorpecendo no meu corpo
Dos nossos cheiros misturados com o do lençol e dos nossos risos singelos com beijos desesperados
Que mal há ser um corpo só, se os dois corpos querem o mesmo?
Não importa como, onde, ou que horas... O que vale é a nossa vontade!
Daquelas que a gente não consegue conter, disfaçar... que nos faz correr para um canto qualquer e nos entregar, mesmo que rapidinho, em meio ao bater acelerado de corações fugitivos
Vem pra cá, que o seu prazer é meu
Quero voar, me desprender, e só você consegue me levar além
Vem meu amor, que o nosso amor é ainda mais gostoso por ser do nosso jeito
Com amor, desejo, loucura e vontade
Vem fazer amor em mim

24 de agosto de 2012

Eu vou ser cantora


Eu vou ser cantora.
Daquelas que sobem no palco e deixam nele um pouco da sua alma.
Que darão seu melhor naquele botequim na esquina da rua ou no palco do Rock in Rio.
Eu vou desistir de todo o resto. Não dá mais para tentar.
Antes correr atrás do que sempre sonhou, do que de um sonho que veio e me faz... Sei lá o que me faz.
É questão de toque, de doçura, de sentimento. É questão de magia, de acorde, de envolvimento.
Eu vou ser cantora.
E por mais que eu não consiga ser igual a uma "Elis", serei a melhor de mim.
Eu vou ser cantora, e serei mais viva então.
O resto será só o resto.
Agora, vou ensaiar.

8 de agosto de 2012

Bagunça


Me aperta e ao mesmo tempo me solta
As vezes fica muito cinza, eu desisto, não há mais jeito
Mas sempre há um sorriso, um cheiro, um sonho, um dormir
E a alegria retorna, tímida, mas cheia de força
Os carros passeando uns pelos outros já não parecem tão poéticos
Antigamente me davam esperança, hoje mal me distraem
A casa me parece grande demais, mas está apertada dentro de mim
Respirar.
Talvez seja isso. Será que sou louca por sonhar?
Acho que nada mudou, apesar do espelho me dizer o contrário
Sou a mesma de anos atrás
Paira em mim um cheiro de aconchego e de saudade
Será que estou chata, sem brilho, me embacei?
Preciso de um café forte sem açúcar
Acho que sou doce demais

E viveram felizes para sempre... Por interesse!


O amor se torna patético diante de imperfeições. Nem começa pela humana, mas pela falta de grana. Será que o amor é mesmo aquilo que vive independente das circunstâncias? Às vezes acho que não. É complicado para alguém como eu, que acredita em contos de fadas e no castelo encantado, admitir isso. Mas o amor é interesseiro! É fácil nas histórias da Disney as coisas acabarem no "e viveram felizes para sempre". A mocinha se casa com o príncipe. Ele é rico! Nunca terão que se preocupar em juntar moedinhas para pagar a internet, ou o aluguel que está atrasado. Não estou dizendo que o amor só existe com o dinheiro, não. Estou dizendo que nem todo mundo consegue sobreviver a uma fase de "vacas magras". E é nessa situação que a gente fica quebrando a cabeça para tentar entender esse 'sentimentozinho' que o cupido teimou em jogar na gente. É amor ou não, quando a pessoa joga para o alto todos os planos, e o (a) parceiro (a) também, quando o dinheiro resolve tirar férias? A pessoa não pode simplesmente estar farta dessa situação e achar melhor voltar para casa da 'mamãe' até tudo entrar no eixo de novo? Amor ou não, é sempre complicado passar por um momento onde não se vê saída e as contas acumulam na caixa do correio. Mas é bem verdade também que começar uma guerra com quem você lutou contra o mundo para ficar perto, só vai piorar as coisas. É bem mais fácil resolver um problemão dividindo ele com alguém. E é nessa hora que você precisa respirar fundo, pedir a Deus uma força e conversar abertamente com o seu amor para tentar achar uma solução. A vida não é fácil não, meu irmão. E se um dia você pensou em vencer, deve ter pensado também na luta. Mas o amor é interesseiro, mesmo! Ele vive por sorrisos, amor, carinho, dengo, preocupação, cuidado, amizade... Se a dificuldade do dia a dia te tirar isso, ele morre. Ou talvez até fique vivo, mas trancado em um canto bem escondido do peito, que pode passar anos, e por mais que ele grite bem alto lá de dentro e te provoque calafrios, a sua razão vai conseguir falar mais alto e ensurdecê-lo. E dinheiro, meu bem, vai e volta, o amor da sua vida talvez não. Alimente o amor e deixe-o bem cheio com todas as coisas que pode oferecer, ele vai te proporcionar coisas maravilhosas. Claro que tudo porque quer em troca o seu coração. Mas quer saber? Vale à pena.

7 de agosto de 2012

E só de te ver eu penso em trocar a minha TV em um jeito de te levar a qualquer lugar que você queira, e ir onde o vento for ♪


Eu posso parecer uma eterna apaixonada, e acredito que muita gente deve achar que tudo que eu escrevo pelas redes sociais é só um excesso da minha sensibilidade e doçura aguçada. É, eu sou doce. Mas não sou mentirosa. Muito menos escreveria coisas que soariam boas para os olhos alheios, se o que eu escrevo é somente para mim, por mim. Escrevo para registrar um momento, seja ele apenas um segundo ou um ano inteiro. Eu eternizo meus sonhos reais em palavras, e não acho que seja certo duvidarem do que escrevo. Mas se quiserem fazer assim, continuem. Não muda em nada o que eu sinto. Eu sei que parece mais uma história inventada pela minha cabeça de contos de fadas. Mas o que eu posso fazer se toda vez que eu te olho, em uma das nossas ações rotineiras - como essa onde você está lendo o livro que me deu de presente de aniversário enquanto eu fico perambulando pela internet - eu fico boba e agradecendo a Deus baixinho por a nossa vida existir bem desse jeitinho? Eu sei que a gente ainda não conseguiu educar nossa cachorrinha, e ela não cansa de fazer o segundo quarto de banheiro. Mas o quê que tem? A gente não consegue ignorar o fato dela ser nossa 'filha' e fazer parte dessa nossa vida que, pode ter todos os defeitos do mundo, mas é a nossa perfeita vida. Só a gente sabe o quanto tivemos que fazer das tripas coração para chegar aonde estamos. Ninguém sabe o que passamos e muito menos o gosto de começar a vida com sanduíche de queijo e presunto. Eu sei também que o dia a dia pode nos acomodar, e o estar junto não parece mais a estréia daquele filme favorito. Mas isso não quer dizer que nossos corações batem normalmente quando dormimos naquele nosso abraço, ou que nosso riso não é o mais feliz do mundo quando a gente fica brincando na nossa cama, e você vive querendo ganhar de mim - acredite, eu sou mais forte, só deixo você ganhar sempre e me fazer cócegas até eu morrer de rir porque eu quero te ver feliz. Só quero que saiba, amor, que apesar das imperfeições corriqueiras, dos bicos, muxoxos, do respirar mais fundo ou do "bater de coisas", nós somos a perfeição para a nossa vida. Qualquer um que vê sabe, nem tem o que dizer. E torço para que as nossas noites continuem cheias de dengos, e nossas manhãs também. Que nossos dias sejam corridos, trabalhosos, e que sempre cheguemos em casa e encontremos nossa filha nos recebendo cheia de alegria. Que nossas baboseiras continuem na geladeira e que nossos banhos sejam sempre divertidos. Nossos risos serão sempre eternos e nosso amor já se consagrou. Sou encantada por estar do seu lado. Muito obrigada.

4 de julho de 2012

Não se intrometa na minha vida, você pode levar um choque

Tenho tido várias provas na vida de que o que importa de verdade é o que se sente no coração. Não importa o que vão dizer, criticar, apontar, falar mal, trapacear, injustiçar... Se você estiver tranquila com você mesma essas coisas não vão te tirar do sério. Se apoie em quem te dá motivos para sua confiança, os outros são apenas os outros. A coisa mais certa que dizem por aí é sobre ligar aquele botãozinho do f***-** e seguir a sua vida do jeito que você escolheu. Se tem sujeira aqui ou ali, se sua cachorrinha é uma doida que não aprende de jeito nenhum a fazer o xixi no lugar certo, se as contas estão chegando e se eu me encho de chocolate-batata-coca.cola o problema é todo e SOMENTE MEU e de quem escolheu viver comigo. Vou aprender a colocar um canal direto de uma orelha para outra, para não ter que ouvir o que teimam em me dizer. Já sofri demais e já briguei com o mundo, com pessoas mais que importantes e essenciais... Não há nada nem ninguém que me fará recuar. Confesso que choro, me desespero, fico triste. Mas é o sentimento de verdade que consegue me colocar para cima, me fazer me re-enxergar e perceber que eu posso e que são poucas as coisas que realmente importam. E sabe? Nem sempre as coisas são simples, mas foi essa a vida que escolhi para viver e, graças a isso, sou muito mais do que feliz. Sou realizada. E pra mim, hoje, é isso que importa. Se sou uma garotinha, um anjo, uma sonsa, uma louca, uma hippie com cara de quem fuma um.... Não importa. Importa o que eu sei que sou. E importa que as pessoas que são importantes sabem também. Serei e viverei do jeito que eu escolhi, e disso ninguém pode fazer parte. Peço, de toda a boa vontade do mundo, que compreendam e se mantenham afastados de querer mandar na minha vida. Grata. De alguém que quer ser alguém. Só. 

1 de julho de 2012

#HoradeOpinar

Morre a educação na Bahia
                                         

Estou completamente DECEPCIONADA com o nosso governo. É um absurdo deixarem de lado a parte mais importante da nossa sociedade: a educação. O que mais me chateia é ver gente querendo se aproveitar da situação, colocando no bolso milhões e desmerecendo a própria classe; não é Senhor Portugal? Estudei na rede estadual 10 anos da minha vida, e graças a professores BRILHANTES pude me tornar o que sou, uma pessoa crítica, que consegue entender as coisas com outros olhos. Sei que isso, para os nossos governantes, não é nada bom. O objetivo deles é que a sua população esteja vendada com a ignorância e engolindo de forma inconsequente as sujeiras que pagam para passar na mídia. São quase 3 meses de greve, os alunos da rede estadual estão desamparados, praticamente perdidos, os professores, que se arriscam, perdem a voz, se esforçam para dar o seu melhor mesmo sem nenhuma estrutura, estão em ganhar um centavo. Enquanto isso propagandas passam repetidas vezes na televisão querendo nos empurrar guela à baixo que 1 + 1 é igual a 3. Mas eu estudei, viu seu governador? Sei contar, sei ler e sei entender as coisas. E já está mais do que na hora do senhor perceber que, do jeito que as coisas estão, seu governo vai por água à baixo. População, se movimentem também! São seus filhos, sobrinhos, netos, vizinhos, que estão sendo jogados ao léu sem nenhuma perspectiva de futuro bom. Quando é que vamos nos juntas para lutar por alguma coisa? Está ridículo isso tudo! Se cada um deixar seu "grito" ecoar tenho certeza que em todas as partes ouvirão a nossa causa, e quem sabe nos ajudarão? O que não pode é acreditarmos que está tudo bem, e em outubro desperdiçarmos nossa arma votando em mais alguém que vai querer roubar nosso dinheiro e nos deixará desamparados. Está na hora de acordar para a realidade.

29 de junho de 2012

Coragem


Acho que os fogos são pra nós, sabia? Não ri! Eu sei que hoje é dia de São Pedro, e que as pessoas costumam soltar essas bombas. Mas presta atenção, vê se não soa uma espécie de "parabéns por não deixarem nada atrapalhar vocês"?! Eu nunca achei que a vida fosse fácil não. E sabia desde o início que viver contra a vontade do mundo no causaria alguns arranhões. Mas entenda, meu bem. O que há de melhor do que amar de uma maneira plana e vivenciar isso a cada amanhecer? Acho engraçado quando eles julgam o nosso "nós". Acham estranho, acham errado, dizem que não merecemos a santificação. Mas há mal maior do que o do julgamento sem ao menos levar em consideração coisas importantes? Deviam se preocupar com a fome, as guerras, a faculdade, o trabalho, o jeito que vão pagar as contas no final do mês. Não conosco, não com a nossa felicidade! Ainda não 'morremos de fome' e muito menos fomos 'apedrejadas' na rua. Vivemos, e de um jeito digno de orgulho! Quem mais consegue se virar como nós e alcançar conquistas desse jeito? Sei não, viu. Ainda acho que um dia, não muito longe,  vão nos dar o parabéns e dizer o quanto somos verdadeiras e corajosas.

3 de junho de 2012

Nós


Disseram que não tínhamos nada a ver, lembra? Eu era só uma menina que acreditava em fadas, enquanto você já tinha percorrido uma realidade além do que eu podia sonhar. Eu adorava coca-cola, comia batata ruffles e gostava de tocar violão. Você já estava na vodka, tragando um cigarro, ouvindo um som bem alto por aí. Disseram que você só iria se divertir comigo um pouco, e eu quebraria meu coração de garota que se apaixona. Disseram que eu era só uma menina e que não valia à pena arriscar o mundo por minha causa, eu andaria pra trás. Mas quem eram eles mesmo para falar de amor? Amor não se escolhe, não se determina. Ele existe e se encontra um dia. Foi isso que nos aconteceu, sabe? Eu te vi e meu estômago ficou tão embrulhado... tão gelado! E eu sei que você estava nervosa também. Estava segurando o sorriso que insistia em sair, ao mesmo tempo que queria se mostrar não tão entregue assim. E acredito que as nossas grandes diferenças, se tornaram tão similares, tão parecidas, tão nossas. E os nossos mundos diferentes se tornaram um só, sem muito esforço. Tenho certeza que fomos feitas "milimetricamente" uma para outra. Não poderia ser mais ninguém! Todo o passado, tudo que se passou antes do nosso 're-encontro', foi só um monte de teste, caminhos que nos fizeram chegar ao lugar certo. Não existiria amor assim com outro alguém. Só com você. E é por isso, que hoje, um ano depois daquele nosso primeiro beijo, eu te digo com todas as letras que você é o amor da minha vida. A pessoa que sonhei todos os dias da minha existência, o meu anjo encantado, minha protetora, minha vida! Como faço para te mostrar tudo que sinto? Você percebe? Espero que sim. Não importa as dificuldades que virão, com você, eu sei que conseguirei superar todas elas. Porque juntas somos mais fortes. Meu amor, obrigada por toda essa felicidade. Eu te amo. ♥

24 de maio de 2012

O tempo que muda, sem mudar


Me sinto mais leve. Você sabe. E aposto que fica rindo às escondidas da minha cara de boba. Mas não é tão lindo assim? Você vem me dizer que o tempo muda as coisas, as nossas atitudes talvez, mas não o amor. Faço bico e não quero colocar em mim que algo tenha que mudar mesmo entre a gente. Mas mudou, não é? Mudou. Mas não sei se é tão ruim. Eu que tô acostumada com você 24 horas ao meus dispor. Tudo bem, eu não vou te sufocar, só de amor. Está combinado assim? Entretanto, me diga com toda sinceridade dos nossos mundos: você não ama quando estamos daquele jeitinho da última madrugada? Rimos à toa como duas crianças, e conversamos baixinho, no escuro do quarto, falando diretamente para os nossos olhos. E foi de um jeito tão gostoso! Tão serio e sereno, falando dos nossos atuais não-problemas de casal. É louco. E você querendo me deixar mole com aquele seu papo de gente safada que você é, querendo me convencer que o amor vai muito além de fantasias. Ah... não faz isso comigo! Eu me assustei, eu sei que você sabe. Só não sei se você continuou com aquele papo, ao mesmo tempo que me segurava forte e beijava o meu pescoço, porque falava serio ou porque adora me ver sem.graça-brava-sem.reação. Foi por que, hein?! E o nosso amor gostoso, misturado com o desejo e a adrenalina de quem poderia nos ver, de ninguém perceber. A gente se descobrindo ao mesmo tempo. Se tocando, procurando os caminhos mais deliciosos que podíamos ter. O desejo louco gritando sem soar, explodindo pelas mãos que já não sabiam como disfarçar. Eu amo você.

22 de maio de 2012

Free Hugs


Dias de chuva se tornam muito melancólicos. As vezes parece que o 'aguaceiro' que cai dos céus vem de dentro de você, e você fica parecendo um pateta querendo entender essa tristeza que vem nesses dias. No meu caso, eu meio que me sinto dentro de um vídeo-clipe, como se houvesse uma história típica de novela mexicana e eu, é claro, sou a protagonista sofredora que no fim vive feliz para sempre. Acho que é esse o problema de todo mundo! A gente nunca quer falar ou pensar no fim, inventamos quatro palavrinhas que descrevem ele de um jeito que não tenhamos muito que pensar: viveu feliz para sempre. Mas o que seria isso, não é? Felicidade para mim não é um estado de espírito que vem e passa, para mim é uma condição. A tristeza sim é um estado que passa, junto com a chuva que cai e depois vai embora. Então me concentro nisso. Já nem lembro mais de me importar com as opiniões das pessoas sobre as minhas escolhas e atitudes, a minha felicidade é totalmente livre e desligada dessas coisas, ela vive e acabou. E acho que se todo mundo fosse um pouquinho assim, desligado das opiniões alheias, o mundo ficaria bem mais original, bem mais autêntico, e ainda me atrevo a dizer que veríamos mais sorrisos, e que as pessoas se cumprimentariam na rua. Abraços não seriam mais tão pessoais, se tornariam uma saudação acolhedora pelas ruas. Já pensou?! Lembro-me de um clipe, da banda Detonautas, de uma música linda, 'Você me faz tão bem', onde pessoas se vestiam de cachorros e gatos gigantes de pelúcias e andavam pelas ruas com um cartaz escrito: Abraços Grátis. Demorou para que as pessoas loucas pelo seu dia-a-dia cinzento reparassem neles, e demorou ainda mais para que alguém fosse lhes dar um abraço. Que mundo é esse minha gente? Abraço é uma das coisas mais gostosas que se tem, mesmo de um desconhecido. Mais amor, por favor! Porque a felicidade depende disso também. Não ache que dinheiro à rodo, amigos de festas, ou cara estampada em jornais que vai te fazer ser realizado. A primeira coisa que precisa acontecer é dentro de você. Hoje, no dia do abraço, abrace sem medo, sorria, seja feliz! Experimente se entregar a você mesmo e esqueça dos olhares. Você é bem mais do que imagina, feche os olhos e deixe o som da vida te levar. Aposto que vai se surpreender.

                           

18 de maio de 2012

#Euvi

Um Dia



Esse era o filme que eu achei que seria o meu preferido, que seria a mais linda história de amor que eu teria visto, mas não foi. Muitos vão até me dizer que o filme é lindo, mas eu odeio fins trágicos, já basta a vida! O filme se baseia em passar uma mesma data, 15 de julho, durante 20 anos na vida de dois jovens.Enquanto a mocinha, vivida por Anne Hathaway passa todo o tempo apaixonada por Dexter, ele só se volta para ela muito tarde. Ela uma menina sonhadora, ele um cara que vive os prazeres da vida até a última gota. Quer saber? Fiquei triste com esse filme mesmo, apesar de ele ter passado uma mensagem importante: nunca deixe para depois o que você sente agora. O cara gostava dela desde o início, mas achou que não estava pronto para um relacionamento serio, queria se divertir. Aí acabou perdendo o amor da vida toda, e para sempre. Eu costumo ser do tipo de apaixonada bem melosa, até demais. Sufoco de sobra. Sempre penso nisso que pensei ao assistir o filme, "ninguém sabe até onde vamos", e é por isso que eu me esforço para deixar uma história linda por aqui, uma história da qual eu acredito. Mas e você? Será que deixa de dizer a quem ama que ama? Para qualquer um 20 anos é muita coisa, mas e se esse tempo todo for perdido com o que não vale à pena realmente? Quem quiser assistir ao filme já sabe que não é lá uma história que vai te fazer suspirar, mas refletir. É bom as vezes.

17 de maio de 2012

#HoradeOpinar

17 de maio - Dia Mundial do Combate à Homofobia 


Acredito eu que, assim como existe o dia das mulheres, o dia de hoje precisa ser lembrado. Afinal, tirar o homossexualismo de uma lista de doenças mentais, mostra que estes são iguais a qualquer outros. Assim como a mulher é igual ao homem nos seus direitos e deveres. Mas não acho que se deva levantar uma bandeira explícita e sair por aí gritando que hoje as pessoas deviam saber que estão lutando contra a homofobia ou achar que hoje é o seu dia e sair feliz por ai. Na minha visão se alguém quer ser tratado como igual, precisa agir como igual! Para a minoria que pode achar que eu sou homofóbica, acredite, eu não sou. Qualquer um que ler o #Mpb já percebeu isso. Mas a questão é que acho complicado a sociedade tratar de forma igual pessoas que se escondem em becos e ruelas, e que soltam as mãos quando veem alguém passando. O que tem de diferente em ser homossexual? Com quem você dorme ou deixa de dormir é uma situação tão particular que me estranho com a grandeza que isso se transforma. Como é que pessoas que eu nem sei o nome se preocupam mais com a pessoa que eu durmo à noite do que com toda a 'robalheira' que acontece no país? Será que eu  mudo tanto a vida delas assim? Ah, me poupe! Acredito eu que cada um é o melhor para saber qual caminho vai trilhar na vida. Ninguém pode escolher a felicidade de ninguém. Uma coisa é certa, ninguém é obrigado a aceitar as escolhas do outro, mas a menos que se queira viver isolado numa ilha particular, é necessário respeitar o outro. Isso eu digo para os dois lados. É feio, para qualquer casal, seja homossexual, heterossexual ou ET; ficar se agarrando em vias públicas. Quer ter algo mais 'caliente', queridos, vão para casa, ou qualquer outro lugar! O que quero dizer com esse blá blá blá todo, é que mesmo hoje sendo um dia importante, não serve de nada levantar bandeirinhas, a não ser criar mais conflito e confusão. Seja o que você for, ninguém tem nada a ver com isso, e você não se torna diferente. Aja como um igual que será tratado como um igual. A única diferença que há de um ser humano para o outro é o seu interior, a sua bagagem de vida. Ai nisso você capricha, que com certeza notarão de longe! 

16 de maio de 2012

1.1


Faltam 43 minutos exatos para esse dia acabar, e mesmo não tendo conseguido deixar o #Mpb do jeito que eu queria para poder escrever isso para você, eu não posso deixar chegar o dia 17. É que hoje é dia 16. Mais um dos nossos dias. E, não sei porque, ele me veio hoje com um sabor diferente. É o nosso 1 ano e 1 mês, meu amor. Não soa bonito? Passamos pelo nosso primeiro ano melhor do que o jeito que começamos. Com ainda mais amor, mais carinho, mais cuidado, mais amizade, companheirismo... Tudo continua tão lindo! E eu sei que nesse meio tempo a gente passou por um bocado de coisas, nem tudo foi fácil! Vieram pedras gigantes no nosso caminho, muitas vezes parecia que não tínhamos saída.. Ficamos com medo, desanimadas. Mas aí, o ter uma a outra, mudou tudo! Conseguimos passar em cima de todos os obstáculos e de um jeito "cara de pau" estamos subindo os degraus da vida de uma forma ligeira, que ninguém diria. Não é? Duas meninas, jovens como nós.. Quem ia dizer que iam enfrentar a vida dessa forma e conseguir se manter do jeito que estamos conseguindo? Então, meu bêu, esse texto é na verdade um retorno a mim mesma. Eu sei que você vai dizer que eu sou melosa, doce, a ponto de ser enjoada.. Mas é assim mesmo, gosto mais de mim desse jeito. E mesmo você dando uma de durona, eu sei bem como seus olhos e seu sorriso ficam quando leem meus textos que são feitos para você. A questão é que hoje quando falam de felicidade eu só consigo pensar na nossa vida: eu, você e Luna!  A gente não precisa morar numa mansão no Corredor da Vitória, ou ter uma Ferrari, muito menos andar gastando dinheiro à rodo em um único final de semana (isso te lembra alguma coisa?)... O nosso amor, a forma que levamos a nossa vida nos faz as pessoas mais ricas do mundo! Conheço muita gente que daria de tudo para ter um relacionamento assim como o nosso. Você sabe! E eu nem sabia que amar era tão profundo quanto vejo hoje. Envolve tanta coisa, tantas pessoas, tanto sentimento! E eu me sinto uma pessoa tão melhor por causa desse mundo de explosões que sinto dentro de mim. Nenhuma eternidade seria melhor do que uma eternidade real do seu lado, podendo desfrutar dessas coisas tão mágicas que você me passa todos os dias. E cada besteirinha que você faz me deixa tão nas nuvens! Você sabe, não é? Sabe de tal forma que vive usando isso para me tirar sorriso o tempo todo. Quando tento ficar brava e você me faz gargalhar, quando faz a dancinha louca que eu adoro, quando fica falando dengoso e faz cara de criança inocente... E quando fala do nosso amor com outro alguém, daquele jeito tão centrado, serio e determinado. Eu me acho! Tem como não se achar? Eu sempre li, vi e ouvi pessoas querendo encontrar alguém que as completasse. Esse é o objetivo real de todo o ser humano! Como é que não fico transbordando felicidade, se eu encontrei você que não só me faz completa como uma mulher, mas como pessoa?! Você é um misto de tudo que eu preciso, me faz me sentir a pessoa mais segura da face da Terra. Não tenho medo de nada do seu lado, só de ficar longe de ti. E eu sei que seria impossível uma vida longe de quem me fez viver de verdade. Eu te amo, meu amor. De uma forma que eu tento, tento, mas nunca consigo explicar. Espero que os nossos milhares de anos terrenos e celestiais sejam apenas um terço do que esse nosso primeiro ano e um mês foram. Obrigada por me fazer a mais feliz!   Sabe aquela história de eu ser "a menina mais bonita da festa"? Dizem que a felicidade torna qualquer um mais belo. ♥

9 de abril de 2012

#HoradeOpinar

Cansei do caos


Para os não-soteropolitanos, eu irei explicar. Essa aí de cima é a Estação Mussurunga, uma espécie de terminal de ônibus aqui em Salvador. Tem ônibus para praticamente todo canto da cidade. Só que, infelizmente, sempre acontecem problemas com horários de ônibus por aí. Hoje, por exemplo, ao ir ao trabalho, cheguei na Estação por volta das 07h30 e esperei exatas DUAS HORAS até que o meu "Brotas" aparecesse. Junto a mim estava uma fila interminável de gente que precisava daquele meio de transporte para trabalhar, estudar, ir ao médico, ou qualquer outra coisa. Para nós, meros mortais, que ainda não tivemos condições de ter o nosso carro, a única maneira de se locomover pela cidade é utilizando esses meios de transportes 'ralés'. É ônibus antigo, quebrando o tempo todo, linhas de ônibus que mais parecem linhas de viagens inter-estaduais, lotação estilo lata de sardinha e uma passagem a preço de ouro! Me diz, pra quê pagar R$2,50 por uma passagem de ônibus com direito a tantas coisas ruins?! Eu sei que o senhor prefeito e o senhor governador há muito tempo não andam de buzú, mas confesso que adoraria vê-los entrar em um ônibus saído da mesma Estação onde quase criei raízes, no horário de pico 18h, rumo ao outro lado da cidade. Até quando irão nos desrespeitar dessa maneira? Deveria ser o contrário, vocês que tinham que depender de nós. Trabalham para nós! Estão aí em cima por nossa causa. E o que fazem? Nos roubam descaradamente enquanto tentam mentir para o resto do país e do mundo, com uma propagando ridícula, que as coisas mudaram. Mudaram pra quem? Só se foi para o bolso de vocês que, com certeza, deve estar cheio do nosso dinheiro. Eu sei também que vocês não estão nem aí para o meu "grito" aqui, já que a maioria foi colocada em suas escolas públicas sem educação alguma e são manipuladas pelos meios de comunicação comandados por você. Mas eu sou um alerta de que existem zilhões de exceções. Haverá sempre alguém que nos abrirá os olhos, assim como fizeram comigo na minha formação na rede estadual de ensino. Rezarei todos os dias para que aos poucos toda a população soteropolitana e baiana abra seus olhos e enxergue a 'robalheira' que está acontecendo debaixo do nosso nariz. É uma quadrilha. E nós estamos coletando todos os nossos bens e entregando de mãos beijadas para eles. Senhores políticos, isso direcionando para os corruptos (rezando para que exista o honesto), um dia vocês irão cair do cavalo. Já pensaram se a população se revoltar e resolver votar nulo? Suas dentaduras e míseras moedas na época de candidatura não vão funcionar! Vamos acordar gente, e usar direito as armas que temos! A liberdade de expressão e o voto. Vamos lutar, porque essa guerra é de todo mundo. Eu cansei de ser idiota, cansei de tanto ladrão e cansei desse caos! Já estou fazendo a minha parte, essa é a minha arma. E você, vão ficar ai?

Deu "aloka" na Kelly Key


Confesso que quando comecei a ver o vídeo achei que a tal mancada tinha sido os 'desafinos' na voz, cantando a música. Não esperava que ia muito além. Eu ri, muito.
E todo a chateação da cantora foi porque ela, de acordo com a própria, estava mandando super bem no show e ninguém se animou o suficiente quando ela terminou de cantar a música.
Depois de ter ficado no topo dos assuntos mais comentados do Twitter, a cantora resolveu se pronunciar no seu micro blog e disse que nunca seria indelicada daquela forma, e que tudo não passou de uma brincadeira.

 
"Vi que estou com tudo nos TT's rs. E na internet! Depois de "para nossa alegria" é a minha vez...kkkkk. Estava muito quente na The (boate The Week) aquele dia ( o ar nã funcionou ) e ninguém saiu de lá mesmo com aquele calor de matar! Se movimentar era sinônimo de não respirar!rs. Vendo só essa parte do vídeo, pode parecer falta de educação da minha parte ter dito aquilo. Mas quem estava lá viu (tanto que aplaudiram depois o que eu disse ) que foi uma brincadeira... Nem tenho jeito para ser tao indelicada! O show foi ótimo! Casa lotada... Era a segunda vez que eu estava fazendo show na festa "Chá da Alice"). Mas valeu pelo "barulho" que vcs fizeram! rs"

 Será?

4 de abril de 2012

#EuVi

A Fera


Esse é um daqueles filmes que, com certeza, fará qualquer garota normal suspirar e ficar apaixonada. Um "A bela e a Fera" moderno. Um cara lindo, rico e inteligente, é também o mais arrogante. Acreditando que beleza é tudo, o riquinho recebe uma 'maldição' onde fica monstruoso e só poderá voltar ao normal quando alguém o amar do jeito que ele ficou. Difícil? 
Apesar de parecer um conto encantado, o filme nos trás um ensinamento muito importante. Beleza não é tudo. Claro que, infelizmente ou não, é a primeira coisa que dá para notar. Mas não sustenta. O que sustenta é o que se tem na alma, o tipo de pessoa que se é. Mas, hoje em dia o que existe é muita gente louca correndo atrás de um corpo perfeito e esquecendo de alimentar o cérebro. Nossa sociedade está se tornando um centro de bonecos de plásticos, daqueles ocos, que não tem nada no seu interior. E é por isso que as coisas dificilmente melhoram. Acredito que se todos pudessem assistir esse filme absorvendo essa informação, o mundo seria bem melhor.
Recomendo. Veja o trailer aqui embaixo:


26 de março de 2012

Meme: Conheça o Blogueiro



Ganhei (lê-se, me convidei a fazer) o meme da Nati do Mundo da Nati

1. Quando surgiu a ideia de criar seu blog?
Caraca, difícil dizer. Na verdade eu sempre fui metida a escrever, a falar o que eu achava, do jeito que eu achava. Aí eu tentei fazer um blog pelo Wordpress, mas não durou muito tempo. Eu precisava falar de tudo, sabe? Mostrar que estou aqui e tenho opiniões e pensamentos próprios. E quem sabe mudar alguma coisa em alguém, mudar alguma coisa no mundo. É, eu sei.. mudar o mundo é coisa de sonhador. Está aí o problema.

2. Origem do nome do blog
Quando pensei no nome, pensei na junção de coisas que gosto. Música, que é parte de mim; poesia que é um amor que aprendi; e o Blá blá blá são todas as outras coisas que teimo em escrever também. 

3. Você tem/teve outros blogs além desse?
Tenho um que está desativado, o Daquilo que não Falam, que é com mais duas outras blogueiras.

4. Já pensou em desistir alguma vez do seu blog?
Na verdade não. As vezes eu deixava ele meio de lado, por conta da correria. Mas na verdade eu sempre escrevi por minha causa, sabe como é? Por precisão! Por ter um espaço meu. E o #Mpb sempre foi o meu refúgio.

5. Mande uma mensagem para seus seguidores:
Bom, eu só quero dizer que é muito bacana saber que tem alguém que ler o que eu escrevo. Escrevo de ousadia mesmo, é uma das únicas coisas que sei fazer. O blog, apesar de ser meu, pode ser nosso. Então se tiverem sugestões, quiserem fazer uma pauta, não pensem duas vezes antes de me enviar um e-mail. Vai ser muito bacana essa troca. (contato.mpb@hotmail.com)

Sobre o blogueiro

1 - Uma música: Último Romance - Los Hermanos
2 - Um livro: Anjos e Demônios - Dan Brown
3 - Um filme: Moullin Rouge
4 - Um hobby: Escrever
5 - Um medo: Fracasso
6 - Uma mania: Colocar borrachinhas de dinheiro no braço
7 - Um sonho: Ser realizada
8 - Não consigo viver sem: Meu amor, brigadeiro, violão, internet e meu note.
9 - Tem coleção de alguma coisa? Não. Quando eu era mais nova colecionava cartões telefônicos.
10 - Gostaria de fazer alguma outra pergunta para os próximos participantes? Por que escrever?


Quem quiser pode me seguir no Twitter, ou curtir a página do #Mpb no Facebook.

25 de março de 2012

Desafio da Canela em Pó


Que tem maluco no mundo eu já sabia, mas que existe um desafio famoso para os nossos irmãos gringas que coincide em tentar engolir uma colher cheia de canela em pó, para mim está sendo novidade. Não tem um jeito mais seguro de se divertir não? O bom é que nos restou rir com as caras e bocas que a galera faz ao tentar vencer esse desafio. E é engraçado como sempre existe uma pessoa que se acha boa o suficiente, e tem uma alto confiança além do normal. É o caso do vídeo abaixo que mostra uma mulher que se sentindo boa demais ao invés de usar a tradicional colher de sopa, resolve usar uma espécia de concha. Eu ri demais.



Para a minha surpresa encontrei um vídeo da galera do Não Salvo fazendo o mesmo desafio. Me orgulhei dos caras viu? E ainda tinha uma garota representando a força feminina. Confiram!



E você, encara o desafio?

Mergulhando com o Iphone 4S

E se eu resolvesse ir para a praia e levar um Iphone 4S para mergulhar comigo? Acham que eu sou louca?! Pois foi isso que o blogueiro do Misturaê fez em uma praia daqui de Salvador. Ele resolveu testar o Lifeproof, que segundo o fabricante é à prova d'água, neve e outras coisinhas a mais.



O vídeo é bem engraçado, veja aqui embaixo:


24 de março de 2012

Uma fábrica com consciência pesada...

Nas minhas andanças pelo Jacaré Banguela, vi um curta-metragem, super curto, com menos de 2 minutos, que conta a história de uma fábrica que percebeu que matava tudo vivo que se aproximava dela. Se desesperou, e para salvar o planeta resolveu tomar uma atitude drástica!
O engraçado é o fato de ser bem mais fácil um monte de cimento ter essa visão de mundo do que as próprias pessoas que só conseguem pensar na questão capitalista. É uma pena estarmos numa sociedade assim. Ainda bem que existem essas animações para nos fazer sair um pouco dessa realidade insensível.


Assistam, pois vale muito à pena!



Julia Roberts será a Rainha Má da Branca de Neve em Espelho, Espelho meu


Sendo famosa pelo seu belo sorriso e por fazer filmes românticos como "Um lugar chamado Notting Hill", Julia Roberts poderá ser vista atuando em um papel nunca antes visto. Será a Rainha Má da versão, um tanto diferente, de Branca de Neve. O trailer mostra um filme um tanto que irônico, e promete boas rizadas. Bem colorido e com cenas de danças bem animadas, ao estilo indiano de ser, o filme ainda conta com a participação de Lily Collins, Armie Hammer e Nathan Lane. A estréia aqui no Brasil está prevista para o dia 06 de abril. Quem além de mim está louco para ver o filme levanta a mão o/

Assista o trailer abaixo:


23 de março de 2012

Gifs liberados - Orkutização do Facebook?

É gente, demorou mas chegou. O Facebook liberou aqueles Gifs animados que a gente cansava de ver no Orkut. A página  Tu Abuelita Jonny está vindo com uma gama de Gifs, é só escolher o que quer usar e clicar nele. 



O que rezamos para não acontecer é que os nossos queridos irmãos de pátria não nos envergonhem mais uma vez e tornem uma coisa tão bacana em algo tão cafona, como fizeram com o orkut. Anda rolando pelo Facebook, inclusive, uma imagem de Mark Zuckerberg, com um discurso onde diz que os brasileiros estão estragando o Facebook. Quando vamos tomar consciência, hein? O Brasil já é tão discriminado lá fora por conta da nossa má-educação, e ainda comprovamos com a nossa "tabaronísse"! Os Gifs foram liberados hoje, vamos ver quanto tempo ainda vamos durar, oremos!

22 de março de 2012

#KONY2012 - O que o vídeo não falou

Enquanto as mídias sociais se mobilizaram para tornar um ditador conhecido e lutar em prol de uma causa social, algumas considerações sobre o problema não foram feitas. Até que esse cara chegou e abriu os nossos olhos. Ou não. Tire suas próprias conclusões.

O " PARA NOOSSA ALEGRIAAA" da família Rodrigues


Depois da explosão do vídeo "PARA NOSSA ALEGRIA", a Família Rodrigues (Jair, Jairzinho e Luciana Mello), resolveram de uma forma muito inteligente e inovadora, convidar as pessoas para o seu show. É isso mesmo, um cover do vídeo original. Confiram !




Para o ser que ainda não viu o vídeo original desse furdunço todo, cá está:


#Euvi

A Serbian Film - O que não deveria ter saído do roteiro


"A Curiosidade matou o gato". Já ouviu esse ditado? Me senti vivendo ele essa semana. Em uma das minhas andadas pela internet vi um link que me chamou a atenção, algo como um filme sem limites que foi proibido em vários países. Confesso que questões polêmicas sempre me atraíram e fui ler o artigo para entender o motivo do tal filme ter sido proibido, inclusive no Rio de Janeiro. Pelo que eu entendi do post, o filme falava sobre o sub-mundo da pornografia, mostrando as maldades e crueldades que acontecem e que muitos ainda patrocinam. Advertiram que tinham cenas muito pesadas incluindo pedofilia (de um recém nascido), necrofilia e assassinato; mas até então o debate que se formou naquele blog e em alguns outros que visitei parecia ir mais além. Pensei comigo, por que proibir algo que está querendo nos alertar sobre um mal tão real na nossa sociedade? De teimosia baixei o filme e fui assistir. Queria poder ter uma opinião própria sobre o assunto. Mas acredito que nenhum ser humano em sã consciência teria a capacidade de criar ou imaginar cenas tão grotescas. O filme é repudiante! Ao invés de ser um filme que mostra o lado obscuro do pornô, ele acaba sendo o pornô, ainda por cima macabro, trazendo a tona questões impensáveis e situações monstruosas. O tema não foi abordado de uma forma que nos fizesse querer debater sobre o assunto, só nos fez odiar o cara que inventou de escrever um filme desses e o tachar como pervertido-macabro e sem coração. Que coisas assim existem na nossa realidade eu até acredito, mas nos transportá-la de uma forma inconsequente é outra coisa. Estou horrorizada e triste com a capacidade que homem tem de ser ruim, mau. Ser proibido eu já não sei, há o que chamam de liberdade de expressão, não é? Mas deveria existir uma lei sobre a forma errada de usar esse direito, sua liberdade não pode agredir o outro. O Filme Sérvio, ou Terror sem limites, é uma mistura de pornografia barata, perversão sem pudores e sentimentos macabros. Assistir um filme desse é certeza de passar mal à noite, não por medo, mas por nojo do que as pessoas são capazes.

PARA A NOOSSA ALEGRIAAAA

O #Mpb está de volta,






12 de março de 2012

#STOPKONY


Se um dia você soubesse que o filho do seu vizinho foi arrancado da casa de seus pais e obrigado a segurar uma arma e matá-los? E que a irmã desse garoto, ainda uma menina, também foi sequestrada e agora é obrigada a servir os prazeres carnais do cara que organiza esse crime? Com certeza não demoraria muito para que essa terrível notícia estivesse estampada na primeira folha dos maiores jornais do Brasil, e logo os políticos se pronunciariam e esse monstro seria caçado até ser preso. Incrível como até mesmo em um país como o nosso, que é tão pouco rigoroso com suas leis, crimes horrendos contra crianças são severamente punidos. Ninguém tolera maldades com seres inocentes. E quem faria algo tão monstruoso?!
Por mais difícil que seja acreditar em algo assim, na Uganda - África, existe um ditador chamado Joseph Kony, que arranca filhos e filhas dos leitos familiares para virarem seus escravos. Os meninos são obrigados a o servirem como soldados, matando os próprios pais e lutando por um homem que só os trouxe sofrimento. Já as meninas servem de escravas sexuais. Muitas destas crianças ainda sofrem mutilações nos rostos, graças a esse monstro. Mas em um continente esquecido pelos grandes países, quem iria se meter em uma briga dessas? Está circulado através da internet, principalmente pelo Facebook, o vídeo KONY 2012, que vem contando a história desse ditador e mostrando um grupo que se reuniu para acabar com esse sofrimento. O vídeo já virou 'viral' e está conseguindo reunir pessoas do mundo todo para lutar pela paz. Em 30 minutos, a sua visão de mundo poderá mudar, e se você assim quiser, ajude compartilhando esse vídeo e o tornando conhecido. O mundo precisa saber que mais de 30 mil crianças estão sofrendo na mão de um ser egoísta e maléfico. Vamos mudar as coisas, juntos poderemos.




Página Oficial do movimento no Brasil.