6 de julho de 2010

Entenda você...


Lembra daquela vez que você me disse que ninguém nunca ia me amar como você? Antes eu não acreditei tanto, ri, e fiquei feliz de ouvir aquilo... mas não, eu não levava fé.
Mas hoje me vejo presa nisso.
Aqueles seus olhos que me diziam tudo sem eu nem precisar me esforçar, as suas besteiras próprias que me faziam rir, o seu jeito de levar a vida e de querer o meu melhor antes do seu, aquele jeito seu tão seguro de dizer que dessa vez era diferente, que ninguém tinha sido como eu e que o que sentia era para sempre, sua maneira linda de entrar nas minhas histórias sem nem se importar do que os outros diziam... você só queria ser um dos meus personagens. Não sabendo que era o meu favorito! Seu jeito de me olhar quando eu tentava explicar alguma coisa para te convencer que eu estava certa, enquanto eu me embolava nas palavras você sorria leve... e todas as vezes que te tirei gargalhadas tão gostosas falando aquelas minhas doideras de menina sonhadora.
Lembra dos sonhos? Da maneira segura que me dizia que tudo ia dar certo? Não importava o quanto você parecia estar longe de mim você sempre me confortava: "Mais na frente eu vou te roubar pra mim, e vai dar tudo certo".
Você que sempre acreditou mais em mim do que eu mesma. Que me ajudou a voltar para o meu mundo encantado.
E agora, do outro lado da cidade, vivendo a sua vida... e eu olho pra trás e dou um sorriso sabia? Não choro mais... não! Porque hoje eu vejo o quanto cresci por sua causa, o quanto fui mais eu. O quanto foi lindo apesar de todas as dores.
E hoje, é tão diferente! Eu continuo aquela mesma menina que diz tudo que sente sabe?
E olha, eu achei que nunca mais ia me apaixonar por ninguém depois de você, mas me enganei. O sentimento por você está guardado num lugar especial, vai estar sempre aqui.
Mas hoje, me vejo apaixonada por outro alguém, acredita?!
Mais uma vez sou a menina boba que não consegue disfarçar o que sente... e é tão diferente! Tenho medo.... não sei se irão me amar.
Talvez as outras pessoas consigam ver todos os meus defeitos que em você não faziam muita importância, você sabia exatamente quem eu era, e o que eu iria ou não fazer.
Mas hoje, as pessoas já passaram por tantas coisas que tem medo de se entregar.
E eu tô assim, apaixonada sem saber pra onde ir. Com vergonha de repetir tudo que eu já disse, me sentindo pequena, e menos encantada do que eu era quando estava do seu lado.
Me sinto uma inútil.. rss Sério! Não consigo ler a mente de quem eu mais queria, não consigo ler aqueles olhos negros que são tão profundos! Não sei mais usar as palavras certas na hora certa, e minhas palavras?! Andam mais emboladas que antes.
Eu até escrevi, isso sempre funcionou lembra? Mas dessa vez acho que nem as palavras escritas fizeram algum sentido.
Me diz o quê que eu faço agora, me diz? Você sempre me mostrou o sentido... me diz agora o que eu faço para acalmar meu coração que está tão doido, que nem eu mesma mais o reconheço.
Eu que era tão cheia de cuidados e 'não me toques' me deixo guiar somento pelo coração, pela emoção. A razão já me afastou de mim mesma, e no fim só me sobraram lágrimas, sem lembranças. Agora que corri, vivi, segui e fui em frente, não sei mais para onde andar.
Acho que eu era e sou encantada somente para você, que por mais incrível que pareça sempre foi tão igual a mim que nunca percebeu.
Será que é isso?
Desculpa, mas eu só precisava falar com você. É estranho demais eu vir aqui te dizer de uma paixão minha, mas você me entende mais do que eu, sabe o que passa aqui.
E você sabe... eu quero ser feliz!
E essa paixão, aah... essa paixão! Me tomou por completa e olha que eu quase disse não...
Agora tô aqui, desse jeito, esperando que o mar, a lua, ou qualquer outro ser possa me dar as respostas que eu penso merecer.
Queria entender aquela mente... !

8 comentários:

Daninha disse...

Eu queria entender tantas mentes...
oaskasopk'
E tambem queria uma nova paixão, mais ta dificil :x
Gostei do texto.
Beijos

Princesa Moderna! disse...

lindo texto...
muito profundo, dá para perceber que vem de dentro.
beijos

Henrique Miné disse...

a maneira que você apresentou seus sentimentos para quem te lê, indiretamente, foi genial.

Parabéns, arrisco-me a dizer que é o melhor texto teu que li.

E, boa sorte com o novo amor! Tomara que, esse sim, seja para sempre! x)

beeeeijos.

Dayane disse...

Quando encontramos uma pessoa que primeiro quer o nosso bem ao dele,é para parar e pensar:Acho que essa é a pessoa certa!

E.Suruba disse...

por isso eu nunca me levo a sério, sempre digo que não vou fazer alguma coisa d e jeito nenhum e acabo fazendo :/

Carolina Hermanas disse...

Concordo com a Dayane lá em cima *_*, AHAHAH.

Ou ele apareceu na sua vida para mostrar o que você merece, ou é a pessoa certa :)

-
Beeijos *_____*, sorry o sumiço!

Varda disse...

Que declaração.

Larissa disse...

Declaração forte. Deu uma sensação de vida vivida. De quem correu atrás e alcançou algo de bom - ou algo de melhor do que se esperava. E foi preciso contar.

Gostei!