13 de março de 2010

Vontade de ver o mar


Sabe quando parece que tudo deu errado e o que você mais queria era paz?
Pois é, é o que eu quero agora.
Queria sair por aí, no meio dessa noite fria e andar pela calçada da orla, vê os carros passando e ter coragem de colocar os meus pés dentro do mar.
Pode ser loucura, mas eu sei que quando meus pés tocassem naquela água salgada, gelada, ele iria me mostrar que nada pode ser tão grande quanto ele, que eu não devo me importar com coisas tão insignificantes, e que eu devo continuar seguindo, firme, forte até alcançar meus objetivos.
Porque é tão difícil seguir as suas próprias escolhas?
É tudo tão simples, tão fácil de entender... Porque insistem que algo deve ser mais assim ou mais assado, quando cada um é que escolhe por si? Afinal, quando tudo isso acabar, cada um não morre sozinho?
Só queria seguir o caminho que escolhi com meus próprios passos, é o mínimo que cada um pode fazer.
Que o amanhã venha, lutarei e estarei preparada!


ps: essa sou eu na foto *-*
Poxa, comecei a "trabalhar", tô estudando e minha vida está uma correria, queria pedir desculpas se não passei tão pontualmente nos blogs, mas eu tô passando sempre viu?
twitter > @jessicatrabuco
se quiserem me fazer perguntas, fiquem à vontade : www.formspring.me/jessicatrabuco

6 comentários:

Rebeca Amaral disse...

Esse post podia ser meu hoje. Me sinto exatamente assim! Um beijo.

Dayane disse...

Eu que queria pedir desculpas,menina!Por ter desaparecido assim!Mas voltarei a visitar-te sempre!Bjo

Marcelo Mayer disse...

e eu, sempre com o cigarro

Fernanda disse...

que o amanha venha,e que traga novos caminhos,com inumeros atalhos para a felicidade.

Henrique Miné disse...

ora, mas se vc ja sabe o que o mar lhe mostrará pra que vê-lo? :b

beeeeeeeijos!

Daninha disse...

Sabe quando parece que tudo deu errado e o que você mais queria era paz?
Pois é, é o que eu quero agora.

Bom vc já disse tudo o q passo aí!
Beijos